Quando sabes que é a cidade…

 

Istambul

E quando chegas a uma cidade e sabes que é aquela, foi amor à primeira vista, como uma bela mulher, em que os seus olhos irradiam, luz, sensualidade e um cheiro que hipnotiza.

Depois de uma viagem muito cansativa, chegar a Istambul foi brutal. Já tinha uma vontade enorme de conhecer a cidade e não me desiludiu.

Com mil e uma coisas para ver e o tempo contado fui em direcção ao Hotel para tomar um banho e começar a visitar a cidade. Ficamos instalados Hotel Buhara, que é gerido por uma família turca e fomos muito bem recibos. Como chegamos de manhã cedo, foi-nos servido o pequeno almoço no terraço do hotel e foi deslumbrante, a vista era espectacular e foi o inicio de dois dias de cortar a respiração.

Fotos Telemóvel 513

Fotos Telemóvel 518
Terraço do Hotel Buhara Family Inn

Istambul mistura-se com, muralhas, palácios, mesquitas e prédios contemporâneos, uma vida nocturna muito agitada e restaurantes para todos os gostos e bolsas.

A Mesquita Azul é visita obrigatória e como estávamos instalados em Sultanahmet, a visita começou pela parte mais antiga da cidade e que era o coração de Constantinopla. Aí estão muitas das principais atracções da cidade.

A partir daí, pode ser visitado a Basílica de Santa Sofia que já foi a maior igreja do império Bizantino, transformada em Mesquita pelos Otomanos e actualmente um grande museu.

Se sobrar tempo (duvido), existem outras atracções que devem ser visitadas, tais como o Museu de Mosaicos do Grande Palácio, o Museu de Arte Turca e Islâmica, entre outros.

O Palácio Topkapi (que significa porta de canhão), lar dos sultões otomanos e do seu harém, também deve ser visitado. Tem três pátios com jardins arborizados e neste momento é um museu com objectos de louça porcelana chinesa, jóias, entre outros.

Fotos Telemóvel 521Fotos Telemóvel 524Fotos Telemóvel 552Fotos Telemóvel 559Fotos Telemóvel 557Fotos Telemóvel 567

O Grande Bazar é paragem obrigatória, mas as histórias que sempre ouvi de negociação, nesta época, pouco existem. Nada como ir a Marrocos e negociar o melhor preço.

Já sabem que sou fã do petisco e comi o melhor kebab da vida, aliás dois, porque só um não me satisfez. A casa era minúscula, mas conseguimos lugar, acompanhado de um belo sumo de laranja ( Portakal).

Fotos Telemóvel 540Fotos Telemóvel 539Fotos Telemóvel 536

Junto ao rio, não deixem de visitar o Mercado das especiarias, que na minha opinião é muito mais interessante que o Grande Bazar,podem também visitar a Mesquita Nova e a Mesquita Suleymaniye.

Antes de apanharem o ferry para irem até a parte asiática de Istambul, descansem na Ponte Gálata. Aproveitei para me refrescar,petiscar e até fumei chicha. Foi um dos meus momentos preferidos da visita a Istambul.

Observar o rio bem na nossa frente com o cheiro do mar o sol a bater nas pernas,soube-me pela vida.

No final da tarde, apanhamos o ferry e fomos jantar. Adeus Europa, Olá Ásia!

Por sinal o jantar foi muito bom, pedimos vários pratos e comemos de tudo um pouco, as ruas estavam cheias e a animação foi total. Pena foi o ferry, ter um último horário para voltar e tivemos que regressar.

Fotos Telemóvel 604Fotos Telemóvel 598Fotos Telemóvel 597Fotos Telemóvel 593Fotos Telemóvel 590Fotos Telemóvel 582Fotos Telemóvel 594Fotos Telemóvel 586

A praça Taksim, situada na zona europeia de Istambul é um verdadeiro símbolo da fase moderna da cidade e  uma das áreas mais vibrantes do bairro Beyoglu. A avenida Istiklal com aproximadamente 1,5 km de extensão de lojas, restaurantes é para apreciar devagar e no final, perto da praça Tunel, está a Torre Gálata que pode ser visitada e ainda nas suas imediações descansar.

Fotos Telemóvel 622Fotos Telemóvel 625Fotos Telemóvel 627Fotos Telemóvel 629Fotos Telemóvel 642Fotos Telemóvel 616Fotos Telemóvel 619

Istambul, é sem dúvida uma cidade para se voltar a visitar, é enorme. Perdemos-nos nas ruas, nos bazares, mesquitas, monumentos, restaurantes, cafés.

Uma cidade vibrante, iluminada e jovem. Istambul é a cidade, a cidade com a qual me identifico e que viveria, uma cidade que parecia que já conhecia.

Bem, se calhar era da barba e fiquei confuso ;).

logo_b

logo

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s